Livro
Livro
AUTOAJUDA

A arte de respirar

A arte de respirar

DR. DANNY PENMAN

O segredo para viver com atenção plena

O segredo para viver com atenção plena

“As palavras gentis de Danny Penman explicam com clareza como a respiração, reconhecida desde a antiguidade como a base para viver com atenção plena, pode se tornar uma forma de retomar o controle de nossa vida.” – Mark Williams, coautor de Atenção plena

 

Você respira 22 mil vezes por dia. Quantas vezes faz isso de forma realmente consciente?

Cada uma dessas 22 mil respirações é uma oportunidade de dissolver o estresse, a infelicidade e a ansiedade. A arte de respirartraz exercícios simples e práticos para você incluir a atenção plena em sua vida.

Dr. Danny Penman mostra como essa tomada de consciência pode transformar a maneira como você se relaciona consigo mesmo e com o mundo à sua volta.

A atenção plena nos ensina a ver as coisas em perspectiva e, quando fazemos isso, os pensamentos mais frenéticos e angustiantes desaparecem, deixando a mente mais calma, clara e perspicaz.

O resultado? Você vai começar a sorrir mais, se preocupar menos e parar de se incomodar tanto com as pequenas dificuldades do dia a dia.

“As palavras gentis de Danny Penman explicam com clareza como a respiração, reconhecida desde a antiguidade como a base para viver com atenção plena, pode se tornar uma forma de retomar o controle de nossa vida.” – Mark Williams, coautor de Atenção plena

 

Você respira 22 mil vezes por dia. Quantas vezes faz isso de forma realmente consciente?

Cada uma dessas 22 mil respirações é uma oportunidade de dissolver o estresse, a infelicidade e a ansiedade. A arte de respirartraz exercícios simples e práticos para você incluir a atenção plena em sua vida.

Dr. Danny Penman mostra como essa tomada de consciência pode transformar a maneira como você se relaciona consigo mesmo e com o mundo à sua volta.

A atenção plena nos ensina a ver as coisas em perspectiva e, quando fazemos isso, os pensamentos mais frenéticos e angustiantes desaparecem, deixando a mente mais calma, clara e perspicaz.

O resultado? Você vai começar a sorrir mais, se preocupar menos e parar de se incomodar tanto com as pequenas dificuldades do dia a dia.

Compre agora:

Ficha técnica
Lançamento 02/04/2018
Título original THE ART OF BREATHING
Tradução RAFAELLA LEMOS
Formato 14 x 21 cm
Número de páginas 128
Peso 380 g
Acabamento BROCHURA
ISBN 978-85-431-0601-4
EAN 9788543106014
Preço R$ 34,90
Ficha técnica e-book
eISBN 9788543106021
Preço R$ 19,99
Lançamento 02/04/2018
Título original THE ART OF BREATHING
Tradução RAFAELLA LEMOS
Formato 14 x 21 cm
Número de páginas 128
Peso 380 g
Acabamento BROCHURA
ISBN 978-85-431-0601-4
EAN 9788543106014
Preço R$ 34,90

E-book

eISBN 9788543106021
Preço R$ 19,99

Leia um trecho do livro

Seis paraquedistas pairam em círculos, como águias, em fortes correntes de ar ascendentes. Lá embaixo, algumas crianças observam, boquiabertas, enquanto os paraquedas gigantescos mergulham no vazio, deslizando em silêncio sobre suas cabeças.

Então, de repente, algo dá errado.

Um dos paraquedistas é atingido por uma forte rajada de vento que faz o velame virar do avesso. O piloto começa a girar numa espiral, como uma semente de bordo caindo no solo.

Depois do que parece uma eternidade, ele se choca contra a encosta. Então cai com o rosto no chão, muito machucado.

Mas está vivo. Após um momento de espanto e silêncio, o jovem começa a gritar em agonia. Ainda demora uns 30 minutos até os paramédicos chegarem. E mais uma hora para fazer o percurso até o hospital.

Sozinho, ele sabe que não pode se dar ao luxo de perder a consciência, pois talvez nunca mais acorde. Então começa a se obrigar a respirar.

Devagar. Profundamente. Com uma imensa força de vontade, ele tira o foco do corpo machucado e concentra a mente na própria respiração. Inspira. Expira.

Pouco a pouco, a agonia vai passando. Até que por fim ele alcança um estado de serena tranquilidade.

De pura consciência.

Eu era o jovem que sofreu o acidente de paraquedas.

A arte de respirar salvou a minha vida.

Por milhares de anos, as pessoas têm usado a arte de respirar para produzir efeitos profundos tanto na mente quanto no corpo.

Algumas a utilizam para aliviar dores crônicas. Muitas outras para lidar com a ansiedade, o estresse e a depressão. Ainda há aquelas que alegam que a arte de respirar conduziu-as à iluminação espiritual.

Mas eu sou tão espiritual
quanto um tijolo…

… então a utilizo para apreciar
a beleza agridoce da vida cotidiana.

A respiração é o maior bem que você possui. Ela é naturalmente meditativa e está sempre com você. Reflete suas emoções mais intensas e lhe permite tanto suavizá-las quanto direcioná-las. A respiração o ajuda a se sentir inteiro, pleno e no controle ao estabelecê-lo no momento presente, clarear sua mente e libertar seus instintos.

A arte de respirar desperta uma sensação de assombro, fascínio e curiosidade – os alicerces de uma vida mais feliz e repleta de significado.

Ela lhe concede a coragem para se aceitar com todas as falhas e imperfeições. Para tratar a si mesmo com a bondade, a empatia e a compaixão de que você realmente precisa. Ela o ajuda a olhar para fora e abraçar o mundo.

Quando tiver dominado a arte de respirar, você enfim estará em paz consigo mesmo e com o mundo.

Seis paraquedistas pairam em círculos, como águias, em fortes correntes de ar ascendentes. Lá embaixo, algumas crianças observam, boquiabertas, enquanto os paraquedas gigantescos mergulham no vazio, deslizando em silêncio sobre suas cabeças.

Então, de repente, algo dá errado.

Um dos paraquedistas é atingido por uma forte rajada de vento que faz o velame virar do avesso. O piloto começa a girar numa espiral, como uma semente de bordo caindo no solo.

Depois do que parece uma eternidade, ele se choca contra a encosta. Então cai com o rosto no chão, muito machucado.

Mas está vivo. Após um momento de espanto e silêncio, o jovem começa a gritar em agonia. Ainda demora uns 30 minutos até os paramédicos chegarem. E mais uma hora para fazer o percurso até o hospital.

Sozinho, ele sabe que não pode se dar ao luxo de perder a consciência, pois talvez nunca mais acorde. Então começa a se obrigar a respirar.

Devagar. Profundamente. Com uma imensa força de vontade, ele tira o foco do corpo machucado e concentra a mente na própria respiração. Inspira. Expira.

Pouco a pouco, a agonia vai passando. Até que por fim ele alcança um estado de serena tranquilidade.

De pura consciência.

Eu era o jovem que sofreu o acidente de paraquedas.

A arte de respirar salvou a minha vida.

Por milhares de anos, as pessoas têm usado a arte de respirar para produzir efeitos profundos tanto na mente quanto no corpo.

Algumas a utilizam para aliviar dores crônicas. Muitas outras para lidar com a ansiedade, o estresse e a depressão. Ainda há aquelas que alegam que a arte de respirar conduziu-as à iluminação espiritual.

Mas eu sou tão espiritual
quanto um tijolo…

… então a utilizo para apreciar
a beleza agridoce da vida cotidiana.

A respiração é o maior bem que você possui. Ela é naturalmente meditativa e está sempre com você. Reflete suas emoções mais intensas e lhe permite tanto suavizá-las quanto direcioná-las. A respiração o ajuda a se sentir inteiro, pleno e no controle ao estabelecê-lo no momento presente, clarear sua mente e libertar seus instintos.

A arte de respirar desperta uma sensação de assombro, fascínio e curiosidade – os alicerces de uma vida mais feliz e repleta de significado.

Ela lhe concede a coragem para se aceitar com todas as falhas e imperfeições. Para tratar a si mesmo com a bondade, a empatia e a compaixão de que você realmente precisa. Ela o ajuda a olhar para fora e abraçar o mundo.

Quando tiver dominado a arte de respirar, você enfim estará em paz consigo mesmo e com o mundo.

LEIA MAIS

Dr. Danny Penman

Sobre o autor

Dr. Danny Penman

Instrutor de meditação, autor premiado e jornalista. É coautor do bestseller internacional Atenção plena, da Editora Sextante. Recebeu prêmios de jornalismo da RSPCA e da Humane Society dos Estados Unidos. Em 2014, ganhou o prêmio de melhor livro (medicina popular) da British Medical Association pela obra Mindfulness for Health: A Practical Guide to Relieving Pain, Reducing Stress and Restoring Wellbeing, em coautoria com Vidyamala Burch. Seus livros já foram traduzidos para 30 idiomas. Suas matérias já foram publicadas nos veículos Daily MailNew ScientistThe IndependentThe Guardian e Daily Telegraph. Formou-se como instrutor de mindfulness na aclamada escola Breathworks.

VER PERFIL COMPLETO

Outros títulos de Dr. Danny Penman