As mais belas palavras de todos os tempos - Sextante
Livro
Livro
RELIGIÃO

As mais belas palavras de todos os tempos

As mais belas palavras de todos os tempos

STEVEN K. SCOTT

Tudo o que Jesus disse sobre você, sua vida e a existência

Tudo o que Jesus disse sobre você, sua vida e a existência

Você já desejou poder perguntar o que quisesse a Jesus e contar com a sabedoria dele para enfrentar seus problemas?

Com As mais belas palavras de todos os tempos, agora você pode realizar seu desejo. Pela primeira vez, as declarações de Jesus contidas no Novo Testamento foram organizadas em 200 tópicos de fácil consulta.

Assim, se você quiser saber o que Jesus pensava sobre determinado assunto, se estiver buscando respostas para uma questão complicada ou precisar de alento e incentivo num momento de desespero, este livro será seu companheiro ideal.

Em um único volume, você descobrirá o que Cristo disse:

Sobre si mesmo: sua identidade, sua missão, seu relacionamento com Deus Pai e sua obra

Sobre o bom relacionamento com o próximo: a raiva, a compaixão, o perdão e a reconciliação

A seus seguidores sobre: o fim dos tempos, o evangelismo, a prática do jejum, a doação, a cura e a oração

Sobre nossa natureza, nossas dificuldades e nosso futuro: a falsa doutrina, a hipocrisia, a luxúria, o orgulho, a doença e o pecado

Sobre Deus nos estender a mão: a liberdade, a graça e a misericórdia, as profecias e a verdade

Sobre a eternidade: os anjos, a expiação, a vida eterna, a ressurreição e as recompensas

À medida que você abrir seu coração para as palavras de Jesus, sua vida e seus relacionamentos irão se transformar e você ficará surpreso ao notar como sua fé e sua espiritualidade se renovarão.

Permita que as mais belas palavras de todos os tempos iluminem seu caminho e lhe tragam paz, força, felicidade e uma nova perspectiva para toda a sua existência.

****

Como um humilde carpinteiro poderia ter maior impacto na história da humanidade do que qualquer outra pessoa ou acontecimento?Ao ler As mais belas palavras de todos os tempos, você conhecerá o homem que transformou o mundo para sempre.

Sem dinheiro, exércitos, ciência ou política, Jesus Cristo atraiu a atenção das multidões, comoveu corações e realizou feitos extraordinários unicamente por meio do testemunho de sua vida e do poder de suas palavras.

Buscando revelar a verdade e a força da mensagem do filho de Deus, Steven K. Scott dedicou-se durante anos a pesquisar e reunir todos os ensinamentos de Jesus em um único volume. São 1.900 declarações organizadas em mais de 200 tópicos.

Esta obra prática e de fácil consulta vai ajudá-lo a compreender as lições de Jesus e se aproximar de Deus. O objetivo é que você possa perguntar o que quiser ao Senhor e saber o que ele pensa a respeito desse assunto específico.

Repleto de sabedoria, este livro contém respostas, promessas, inspiração, incentivo, amor e fé – é um tesouro indispensável a qualquer um que deseje crescer pessoal e espiritualmente.

Você já desejou poder perguntar o que quisesse a Jesus e contar com a sabedoria dele para enfrentar seus problemas?

Com As mais belas palavras de todos os tempos, agora você pode realizar seu desejo. Pela primeira vez, as declarações de Jesus contidas no Novo Testamento foram organizadas em 200 tópicos de fácil consulta.

Assim, se você quiser saber o que Jesus pensava sobre determinado assunto, se estiver buscando respostas para uma questão complicada ou precisar de alento e incentivo num momento de desespero, este livro será seu companheiro ideal.

Em um único volume, você descobrirá o que Cristo disse:

Sobre si mesmo: sua identidade, sua missão, seu relacionamento com Deus Pai e sua obra

Sobre o bom relacionamento com o próximo: a raiva, a compaixão, o perdão e a reconciliação

A seus seguidores sobre: o fim dos tempos, o evangelismo, a prática do jejum, a doação, a cura e a oração

Sobre nossa natureza, nossas dificuldades e nosso futuro: a falsa doutrina, a hipocrisia, a luxúria, o orgulho, a doença e o pecado

Sobre Deus nos estender a mão: a liberdade, a graça e a misericórdia, as profecias e a verdade

Sobre a eternidade: os anjos, a expiação, a vida eterna, a ressurreição e as recompensas

À medida que você abrir seu coração para as palavras de Jesus, sua vida e seus relacionamentos irão se transformar e você ficará surpreso ao notar como sua fé e sua espiritualidade se renovarão.

Permita que as mais belas palavras de todos os tempos iluminem seu caminho e lhe tragam paz, força, felicidade e uma nova perspectiva para toda a sua existência.

****

Como um humilde carpinteiro poderia ter maior impacto na história da humanidade do que qualquer outra pessoa ou acontecimento?Ao ler As mais belas palavras de todos os tempos, você conhecerá o homem que transformou o mundo para sempre.

Sem dinheiro, exércitos, ciência ou política, Jesus Cristo atraiu a atenção das multidões, comoveu corações e realizou feitos extraordinários unicamente por meio do testemunho de sua vida e do poder de suas palavras.

Buscando revelar a verdade e a força da mensagem do filho de Deus, Steven K. Scott dedicou-se durante anos a pesquisar e reunir todos os ensinamentos de Jesus em um único volume. São 1.900 declarações organizadas em mais de 200 tópicos.

Esta obra prática e de fácil consulta vai ajudá-lo a compreender as lições de Jesus e se aproximar de Deus. O objetivo é que você possa perguntar o que quiser ao Senhor e saber o que ele pensa a respeito desse assunto específico.

Repleto de sabedoria, este livro contém respostas, promessas, inspiração, incentivo, amor e fé – é um tesouro indispensável a qualquer um que deseje crescer pessoal e espiritualmente.

Compartilhe: Email
Ficha técnica
Lançamento 14/09/2012
Título original
Tradução MARIA DE FÁTIMA OLIVA DO COUTTO
Formato 16 x 23 cm
Número de páginas 608
Peso 700 g
Acabamento BROCHURA
ISBN 978-85-7542-699-9
EAN 9788575426999
Preço R$ 49,90
Lançamento 14/09/2012
Título original
Tradução MARIA DE FÁTIMA OLIVA DO COUTTO
Formato 16 x 23 cm
Número de páginas 608
Peso 700 g
Acabamento BROCHURA
ISBN 978-85-7542-699-9
EAN 9788575426999
Preço R$ 49,90

Leia um trecho do livro

Prefácio

Uma mensagem importante

Steve Scott é um de meus melhores amigos há mais de 30 anos. Ele foi coautor e editor dos dois primeiros livros que lancei, o que permitiu que eu iniciasse meu sacerdócio em 1979. Oito anos depois, ele produziu e distribuiu nossa série de vídeos Hidden Keys to Loving Relationships (Chaves ocultas dos relacionamentos amorosos), que ajudou milhões de casais em todo o mundo a melhorar seus casamentos.

São vários os projetos que Steve realiza desde que o conheço. As empresas que fundou com seus sócios, por exemplo, abençoaram a vida de milhões de pessoas. Também escreveu vários livros de autoajuda bem-sucedidos em todo o mundo. Há dois anos, ele me contou sobre o projeto mais importante de sua vida: a compilação, em tópicos, de todas as declarações de Jesus Cristo.

Naquela época, ele já tinha organizado todas as afirmações do Senhor nos evangelhos de João e de Marcos, mas ainda não começara o de Lucas e o de Mateus. Perguntei por qual editora a obra seria publicada e a resposta me surpreendeu: “Gary, nem sei ainda se será publicada… Na verdade, estou preparando este livro para mim.”

Tomando por base a leitura de João 8:31-32 e de Mateus 7:21-25, Steve me contou que gostaria que as palavras de Cristo constituíssem o alicerce concreto de suas crenças sobre cada assunto e questão da existência. Para isso, precisava reunir tudo o que o Senhor tivesse dito em um formato de fácil consulta. Quando as palavras de Cristo estivessem organizadas por tópicos específicos, ele poderia começar a construir todo o restante sobre os alicerces dos ensinamentos de Cristo.

Pedi que Steve me mostrasse o que já tinha preparado, e ele me entregou o manuscrito. Não demorei a encontrar um tópico que tinha um significado especial para mim e me emocionei ao ler as palavras do Senhor. “É a coisa mais excepcional que já li”, disse a ele. Embora eu tivesse lido cada um daqueles versículos dezenas de vezes ao longo da vida, nunca os tinha lido organizados daquela forma. A autoridade, a clareza e o poder de todos os ensinamentos do Senhor sobre aquele assunto exerceram forte impacto sobre mim, como nunca haviam feito antes, quando os li separados. Meu coração transbordou de emoção pelo intenso amor que senti emanar do Senhor.

Foi como se cada declaração feita por Jesus penetrasse cada vez mais profundamente em minha alma. Eu nunca sentira algo tão poderoso. Pensei que o que estava sentindo provavelmente devia se assemelhar ao que os discípulos sentiram enquanto ele respondia às suas mais incríveis perguntas.

Steve reconheceu que experimentara o mesmo impacto que eu. Ele disse que reunir todas as declarações de Cristo sobre determinado assunto era como juntar todas as peças de um quebra-cabeça. Separadamente, cada pedaço tinha cor, significado e beleza. No entanto, só seria possível admirar o quadro completo quando as peças fossem unidas. Steve então me disse algo que jamais esquecerei: “Gary, é a mesma sensação de ter um encontro pessoal com o Senhor, no qual você pode perguntar a ele sobre qualquer coisa que queira e ele lhe conta todos os ensinamentos que transmitiu sobre esse assunto específico quando esteve na Terra. Você pode pedir, por exemplo: ‘Senhor, me fale sobre o perdão’, e ele então lhe conta tudo o que ensinou a respeito do perdão.”

Incentivei Steve a publicar o livro e me comprometi a promovê-lo mundo afora. Tempos depois, ele contou que meu encorajamento viera na hora certa, pois compilar e agrupar as declarações de Jesus Cristo tinha sido o trabalho mais difícil que já realizara, e que quase desistira de fazê-lo.

Guardei comigo o manuscrito completo por vários meses, e ele é tudo o que eu esperava que fosse e um pouco mais. Além de perfeito para estudos, é maravilhoso para os momentos dedicados à devoção. Como numa prece, você faz perguntas que brotam de seu coração e Jesus lhe fornece as respostas. Este livro será meu presente para cada um de meus filhos, seus cônjuges e também para meus netos, pois estou convencido de que cada pessoa deve ter um exemplar só seu para consultar sempre que desejar.

E há ainda algo com que eu não contava. Steve dividiu todos os tópicos em nove categorias gerais que constituem os nove capítulos do livro. Escreveu breves introduções bastante esclarecedoras e comoventes para não cristãos. Ele contou que fez isso para poder presentear seus amigos céticos, que não têm qualquer interesse pela Igreja ou por religião. Seu objetivo é que eles vejam e compreendam Cristo de uma nova perspectiva, julgando-o não com base no que alguém disse ou fez, mas tão somente pelo que ele disse. São muitas as pessoas que alimentam concepções equivocadas a respeito de Jesus, porém, quando leem o que ele disse, descartam todas as ideias preconcebidas.

Jesus fez promessas incríveis a todos os homens e mulheres, meninos e meninas que assimilassem e seguissem suas palavras. As mais belas palavras de todos os tempos é um livro prático e de fácil consulta, a ferramenta perfeita para ajudar você a alcançar esse objetivo. Com mais de 1.900 declarações do Senhor, organizadas em mais de 200 tópicos, esta obra é um tesouro indispensável em qualquer lar cristão, pois, além de respostas, contém promessas, inspiração, incentivo, amor, fé e poder. Desejo sinceramente que você e sua família o utilizem para se aproximarem ainda mais de Nosso Senhor Jesus Cristo. Também rezo para que você possa usá-lo para propagar as incomparáveis palavras do Senhor a todos que Deus colocar em seu caminho.

GARY SMALLEY

Introdução

As mais belas palavras de todos os tempos

“Conheço os homens e lhes digo que Jesus Cristo não é um simples homem.
Não existe termo de comparação possível entre
ele e qualquer outra pessoa no mundo.”

– NAPOLEÃO BONAPARTE

“As mais belas palavras de todos os tempos.” Como se pode fazer tal afirmação, com base apenas em uma série de declarações? Considerando-se a infinidade de palavras que trazem consequências para a vida de todos, ditas por tantos homens e mulheres importantes ao longo da história, como poderiam
as palavras de um único homem ser consideradas superiores às de todas as outras pessoas?

Para serem consideradas as mais belas, teriam de revelar verdades absolutas que, do contrário, permaneceriam ocultas para sempre. Deveriam trazer benefícios extraordinários e talvez mesmo milagrosos aos corações, às mentes e à vida de todos os que as lessem. Para serem classificadas dessa maneira, sem dúvida teriam de produzir mudanças não apenas na vida de algumas pessoas, mas na de milhões de indivíduos. Teriam de transmitir esperança aos desesperados, alegria aos que estão com o coração partido e a paz que pode atenuar os temores mais paralisantes.

Para fazer jus a essa qualificação, tais palavras teriam de exercer poder suficiente para transformar um coração rancoroso em amoroso; a mente guiada pela cobiça em uma que transbordasse de generosidade; uma vida governada pela arrogância em uma voltada para o desejo de ajudar o próximo. E, caso fossem realmente as mais belas palavras de todos os tempos, precisariam ter o poder de recuperar a visão dos cegos, conceder liberdade aos cativos, perdão aos pecadores e vida aos mortos.

Se as palavras de alguém obtivessem êxito em todos esses aspectos,
cer
tamente seriam consideradas superiores a todas as outras já ditas ao longo da história. Essas palavras existem, foram pronunciadas e registradas. E realmente obtiveram resultados notáveis e milagrosos. As mais belas palavras de todos os tempos foram pronunciadas por Jesus de Nazaré, que declarava ser o Filho do Deus vivo.

A declaração de causa e consequência
que pode mudar sua vida

Se Jesus foi quem alegava ser, então tudo o que ele disse deve ser total e absolutamente verdadeiro. Se ele é o Filho de Deus, nunca cometeria erros. Pense em todas as implicações. Primeiro, se as palavras de Jesus são verdades absolutas, elas são o padrão pelo qual todas as outras supostas verdades devem ser medidas. Em segundo lugar, tudo o que Jesus disse sobre a humanidade, as circunstâncias da vida e a existência é verdade. Suas palavras descrevem a sua vida e revelam seu futuro a curto e a longo prazos. Para você ter uma vida feliz, para compreender seu passado e seu futuro com sabedoria, deve aprender tudo o que Jesus disse. Assim descobrirá o que ele deseja de você e para você.

Além disso, há as promessas que ele fez. Caso tenha optado por seguir seus ensinamentos, você pode confiar em todas as 108 promessas que trazem paz ao coração atormentado, alegria em meio à tragédia, sucesso ao invés de fracasso e, o mais importante, uma vida glorificada que durará por toda a eternidade.

Isso tudo nos leva à pergunta mais importante com a qual obrigatoriamente iremos deparar: Jesus de Nazaré era mesmo quem declarava ser ou era simplesmente um homem?

Napoleão Bonaparte, imperador da França e um dos maiores gênios da estratégia militar de todos os tempos, concluiu que Jesus não era apenas um homem. Certa vez, conversando com os conselheiros em que mais confiava acerca dos imperadores da história e de seus impérios, o nome de Jesus veio à tona. Para surpresa dos generais, Napoleão proclamou:

Conheço os homens e lhes digo que Jesus Cristo não é um simples homem. Mentes superficiais enxergam uma semelhança entre Cristo, fundadores de impérios e deuses de outras religiões. Tal semelhança não existe… Tudo em Cristo me surpreende. Seu espírito me intimida e seu desejo me deixa perplexo. Não existe termo de comparação possível entre ele e qualquer outra pessoa no mundo. Ele é verdadeiramente um ser único. Suas ideias e seus sentimentos, a verdade que enuncia, sua maneira de convencer não são explicados pela organização humana nem pela natureza das coisas… Quanto mais me aproximo, quanto mais cuidadosamente examino, mais percebo estar tudo fora do meu alcance – tudo permanece grande, de uma grandeza que subjuga… Ninguém pode encontrar, em lugar nenhum, a não ser nele, a imitação ou o exemplo de sua vida. Procuro em vão na história alguém semelhante
a Jesus Cristo… Nem a história, nem a humanidade, nem os tempos ou a natureza me oferecem nada que possa servir de comparação ou de explicação. Em sua vida, tudo é extraordinário.I

Jesus de Nazaré

O que Napoleão sabia, que alguns de nós desconhecemos? Estudioso da história e dos homens, o líder político e militar se dedicara com afinco à vida e às palavras de Cristo. Por isso, acreditava que ninguém na história poderia ser comparado a Jesus de Nazaré. Pense nisto: como poderia um homem de um obscuro vilarejo no Oriente Médio transformar tantos milhões de vidas, bem como o curso da história? Se algum homem tivesse que ser negligenciado pela história, esse homem deveria ter sido Jesus.

Filho de um casal de camponeses, nasceu num vilarejo no meio do nada, num país ocupado por conquistadores estrangeiros. Seu único meio de transporte eram as próprias pernas.

Trabalhou como carpinteiro até completar 30 anos e só então começou a ensinar e a fazer discursos em público. Por três curtos anos proclamou sua mensagem, sobretudo em pequenos povoados. Depois de caluniado e posteriormente submetido a um julgamento fraudulento, foi entregue por Pilatos, que acreditava em sua inocência. Como um criminoso, foi condenado à morte e executado em uma cruz entre dois deles. Apenas sua mãe e alguns de seus seguidores mais próximos estavam presentes à sua execução. Os demais discípulos fugiram, escondendo-se da multidão e dos soldados romanos. Só depois que Jesus ressuscitou dos mortos e apareceu para seus discípulos é que estes deixaram de ser covardes confusos, tornando-se destemidos e confiantes seguidores e pregadores da sua mensagem. Porém, não possuíam recursos para disseminar sua história e seus ensinamentos a um público mais amplo. Não havia rádio, televisão ou imprensa. Na verdade, o papel, tal como o conhecemos hoje, ainda não havia sido inventado. Usava-se o rolo de papiro, que precisava ser meticulosamente escrito à mão. A única maneira de obter uma cópia era ler o original e diligentemente reescrever palavra por palavra.

No século I, na Palestina, era ridículo pensar que a vida de Jesus poderia ter algum impacto significativo para além do reino da Judeia. Toda a história desse pregador itinerante que alardeou sua mensagem por apenas três anos deveria ter se perdido ou reduzido a escombros quando Jerusalém foi destruída pelas legiões romanas menos de 40 anos depois de Jesus ter vindo à Terra. Apesar disso, você pode começar a compreender o milagre de sua vida e de suas palavras. Em vez de se perder para as gerações futuras, a curta vida terrena de Jesus tornou-se o ponto central da história do Ocidente.

Como poderia a vida de um homem ter maior impacto na história da humanidade do que a de qualquer outra pessoa ou acontecimento? Ao ler As mais belas palavras de todos os tempos, você conhecerá o homem que transformou tudo – para sempre. Jesus realizou tudo sozinho, sem dinheiro, exércitos, ciência ou política, apenas por meio do testemunho de sua vida e do poder de suas palavras. Sua jornada e os milagres que realizou atraíram a atenção das multidões, mas foi ele que comoveu corações e transformou vidas. O apóstolo João disse: “Aquele que é a Palavra tornou-se carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade” (João, 1:14).

A tragédia da Era da Informação

Hoje temos acesso a mais informações sobre qualquer assunto do que todas as gerações anteriores. Entretanto, são bem poucos os que conhecem as palavras de Jesus. O conhecimento que têm da história do primeiro século é tão superficial que elas são influenciadas por mitos sem fundamento. Muitos cristãos construíram crenças e valores baseados nas mensagens de professores da Bíblia, escritores e pregadores da televisão e do rádio, e não nas palavras de Cristo. Por mais lindas que possam ser, não podem sequer ser comparadas, em termos de reflexão e poder, às palavras puras e virtuosas de Jesus Cristo. Afinal, apenas ele clamava ser a personificação de toda a verdade quando disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida” (João 14:6), e fez incríveis promessas àqueles que orientassem suas vidas segundo as palavras que ele pregava.

É importante notar que Jesus não fez essas promessas a pessoas que seguiam as mensagens de nenhum outro professor, profeta ou líder. As palavras de Jesus se destacam em termos de verdade, poder e autoridade. Ele prometeu, por exemplo: “Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos. E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” (João 8:31-­32.) E isso foi apenas o começo. A seguir, apresento algumas das muitas promessas feitas por Jesus àqueles que escolheram respeitar suas palavras:

  • Receberão a vida eterna.
  • Seus desejos serão atendidos em resposta às suas preces.
    Deus, o Pai, Jesus, e o Espírito Santo serão suas constantes companhias. Estarão tanto ao seu lado quanto dentro de vocês.
  • Receberão, diretamente de Deus, bênçãos de paz e de alegria, que seriam, de outro modo, inatingíveis.
  • Influenciarão a vida dos outros de uma maneira que não poderia ser obtida apenas pelo esforço humano.
  •  Serão amados por Deus de modo único.
  • Evitarão o julgamento final de Deus.
  • Verão ocorrerem milagres em sua vida que outros não poderão compreender ou explicar.
  • Aprenderão verdades eternas que os libertarão de tudo o que os mantém cativos.

Jesus não era um líder religioso!

Jesus Cristo não veio à Terra para dar início a uma nova religião. Na verdade, ele criticou firmemente os líderes religiosos de sua época. Acusou-os de não conhecerem Deus e de usarem a religião para forçar os outros a uma vida de miséria, frustração e fracasso. Jesus declarou que eram cegos e haviam cegado os “olhos espirituais” de seus seguidores (ver Mateus 15:13-14, 23:13-24).

Ao se descrever, Jesus declarou ter vindo sob a vontade de Deus e que sua missão era revelar quem Ele era e o que desejava. E o mais importante: Jesus declarou que poderia guiar qualquer pessoa a um íntimo relacionamento com o único e verdadeiro Deus e que, agindo assim, os guiaria à vida eterna. Em sua última oração antes da crucificação, Jesus declarou: “Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste” (João 17:3).

Pense em começar a conhecer o Deus criador do universo. Como seria conhecê-Lo e chamá-Lo pelo primeiro nome – ou, melhor ainda, conhecê-Lo tão intimamente que pudesse chamá-Lo de seu melhor amigo, até mesmo de Pai. Imagine como seria se você pudesse constantemente usufruir de Sua presença e de um grau de paz e alegria que nenhuma adversidade pudesse derrotar. É exatamente isso o que acontecerá quando você começar a se concentrar nas palavras de Cristo.

As palavras dele mudaram o curso da história ao transformar milhões de vidas, uma a uma. Foram inicialmente aceitas por aqueles que testemunharam seus milagres: transformou água em vinho, fez os aleijados andarem e restituiu a visão aos cegos e a vida a mortos. Felizmente para nós, prometeu ainda maiores bênçãos àqueles das gerações seguintes que acreditassem nele sem vê-lo em pessoa. Por 2 mil anos, Jesus manteve sua promessa, que concede a você agora. À medida que começar a guardar suas palavras na mente e no coração, você descobrirá um poder transformador como jamais julgou possível.

Prefácio

Uma mensagem importante

Steve Scott é um de meus melhores amigos há mais de 30 anos. Ele foi coautor e editor dos dois primeiros livros que lancei, o que permitiu que eu iniciasse meu sacerdócio em 1979. Oito anos depois, ele produziu e distribuiu nossa série de vídeos Hidden Keys to Loving Relationships (Chaves ocultas dos relacionamentos amorosos), que ajudou milhões de casais em todo o mundo a melhorar seus casamentos.

São vários os projetos que Steve realiza desde que o conheço. As empresas que fundou com seus sócios, por exemplo, abençoaram a vida de milhões de pessoas. Também escreveu vários livros de autoajuda bem-sucedidos em todo o mundo. Há dois anos, ele me contou sobre o projeto mais importante de sua vida: a compilação, em tópicos, de todas as declarações de Jesus Cristo.

Naquela época, ele já tinha organizado todas as afirmações do Senhor nos evangelhos de João e de Marcos, mas ainda não começara o de Lucas e o de Mateus. Perguntei por qual editora a obra seria publicada e a resposta me surpreendeu: “Gary, nem sei ainda se será publicada… Na verdade, estou preparando este livro para mim.”

Tomando por base a leitura de João 8:31-32 e de Mateus 7:21-25, Steve me contou que gostaria que as palavras de Cristo constituíssem o alicerce concreto de suas crenças sobre cada assunto e questão da existência. Para isso, precisava reunir tudo o que o Senhor tivesse dito em um formato de fácil consulta. Quando as palavras de Cristo estivessem organizadas por tópicos específicos, ele poderia começar a construir todo o restante sobre os alicerces dos ensinamentos de Cristo.

Pedi que Steve me mostrasse o que já tinha preparado, e ele me entregou o manuscrito. Não demorei a encontrar um tópico que tinha um significado especial para mim e me emocionei ao ler as palavras do Senhor. “É a coisa mais excepcional que já li”, disse a ele. Embora eu tivesse lido cada um daqueles versículos dezenas de vezes ao longo da vida, nunca os tinha lido organizados daquela forma. A autoridade, a clareza e o poder de todos os ensinamentos do Senhor sobre aquele assunto exerceram forte impacto sobre mim, como nunca haviam feito antes, quando os li separados. Meu coração transbordou de emoção pelo intenso amor que senti emanar do Senhor.

Foi como se cada declaração feita por Jesus penetrasse cada vez mais profundamente em minha alma. Eu nunca sentira algo tão poderoso. Pensei que o que estava sentindo provavelmente devia se assemelhar ao que os discípulos sentiram enquanto ele respondia às suas mais incríveis perguntas.

Steve reconheceu que experimentara o mesmo impacto que eu. Ele disse que reunir todas as declarações de Cristo sobre determinado assunto era como juntar todas as peças de um quebra-cabeça. Separadamente, cada pedaço tinha cor, significado e beleza. No entanto, só seria possível admirar o quadro completo quando as peças fossem unidas. Steve então me disse algo que jamais esquecerei: “Gary, é a mesma sensação de ter um encontro pessoal com o Senhor, no qual você pode perguntar a ele sobre qualquer coisa que queira e ele lhe conta todos os ensinamentos que transmitiu sobre esse assunto específico quando esteve na Terra. Você pode pedir, por exemplo: ‘Senhor, me fale sobre o perdão’, e ele então lhe conta tudo o que ensinou a respeito do perdão.”

Incentivei Steve a publicar o livro e me comprometi a promovê-lo mundo afora. Tempos depois, ele contou que meu encorajamento viera na hora certa, pois compilar e agrupar as declarações de Jesus Cristo tinha sido o trabalho mais difícil que já realizara, e que quase desistira de fazê-lo.

Guardei comigo o manuscrito completo por vários meses, e ele é tudo o que eu esperava que fosse e um pouco mais. Além de perfeito para estudos, é maravilhoso para os momentos dedicados à devoção. Como numa prece, você faz perguntas que brotam de seu coração e Jesus lhe fornece as respostas. Este livro será meu presente para cada um de meus filhos, seus cônjuges e também para meus netos, pois estou convencido de que cada pessoa deve ter um exemplar só seu para consultar sempre que desejar.

E há ainda algo com que eu não contava. Steve dividiu todos os tópicos em nove categorias gerais que constituem os nove capítulos do livro. Escreveu breves introduções bastante esclarecedoras e comoventes para não cristãos. Ele contou que fez isso para poder presentear seus amigos céticos, que não têm qualquer interesse pela Igreja ou por religião. Seu objetivo é que eles vejam e compreendam Cristo de uma nova perspectiva, julgando-o não com base no que alguém disse ou fez, mas tão somente pelo que ele disse. São muitas as pessoas que alimentam concepções equivocadas a respeito de Jesus, porém, quando leem o que ele disse, descartam todas as ideias preconcebidas.

Jesus fez promessas incríveis a todos os homens e mulheres, meninos e meninas que assimilassem e seguissem suas palavras. As mais belas palavras de todos os tempos é um livro prático e de fácil consulta, a ferramenta perfeita para ajudar você a alcançar esse objetivo. Com mais de 1.900 declarações do Senhor, organizadas em mais de 200 tópicos, esta obra é um tesouro indispensável em qualquer lar cristão, pois, além de respostas, contém promessas, inspiração, incentivo, amor, fé e poder. Desejo sinceramente que você e sua família o utilizem para se aproximarem ainda mais de Nosso Senhor Jesus Cristo. Também rezo para que você possa usá-lo para propagar as incomparáveis palavras do Senhor a todos que Deus colocar em seu caminho.

GARY SMALLEY

Introdução

As mais belas palavras de todos os tempos

“Conheço os homens e lhes digo que Jesus Cristo não é um simples homem.
Não existe termo de comparação possível entre
ele e qualquer outra pessoa no mundo.”

– NAPOLEÃO BONAPARTE

“As mais belas palavras de todos os tempos.” Como se pode fazer tal afirmação, com base apenas em uma série de declarações? Considerando-se a infinidade de palavras que trazem consequências para a vida de todos, ditas por tantos homens e mulheres importantes ao longo da história, como poderiam
as palavras de um único homem ser consideradas superiores às de todas as outras pessoas?

Para serem consideradas as mais belas, teriam de revelar verdades absolutas que, do contrário, permaneceriam ocultas para sempre. Deveriam trazer benefícios extraordinários e talvez mesmo milagrosos aos corações, às mentes e à vida de todos os que as lessem. Para serem classificadas dessa maneira, sem dúvida teriam de produzir mudanças não apenas na vida de algumas pessoas, mas na de milhões de indivíduos. Teriam de transmitir esperança aos desesperados, alegria aos que estão com o coração partido e a paz que pode atenuar os temores mais paralisantes.

Para fazer jus a essa qualificação, tais palavras teriam de exercer poder suficiente para transformar um coração rancoroso em amoroso; a mente guiada pela cobiça em uma que transbordasse de generosidade; uma vida governada pela arrogância em uma voltada para o desejo de ajudar o próximo. E, caso fossem realmente as mais belas palavras de todos os tempos, precisariam ter o poder de recuperar a visão dos cegos, conceder liberdade aos cativos, perdão aos pecadores e vida aos mortos.

Se as palavras de alguém obtivessem êxito em todos esses aspectos,
cer
tamente seriam consideradas superiores a todas as outras já ditas ao longo da história. Essas palavras existem, foram pronunciadas e registradas. E realmente obtiveram resultados notáveis e milagrosos. As mais belas palavras de todos os tempos foram pronunciadas por Jesus de Nazaré, que declarava ser o Filho do Deus vivo.

A declaração de causa e consequência
que pode mudar sua vida

Se Jesus foi quem alegava ser, então tudo o que ele disse deve ser total e absolutamente verdadeiro. Se ele é o Filho de Deus, nunca cometeria erros. Pense em todas as implicações. Primeiro, se as palavras de Jesus são verdades absolutas, elas são o padrão pelo qual todas as outras supostas verdades devem ser medidas. Em segundo lugar, tudo o que Jesus disse sobre a humanidade, as circunstâncias da vida e a existência é verdade. Suas palavras descrevem a sua vida e revelam seu futuro a curto e a longo prazos. Para você ter uma vida feliz, para compreender seu passado e seu futuro com sabedoria, deve aprender tudo o que Jesus disse. Assim descobrirá o que ele deseja de você e para você.

Além disso, há as promessas que ele fez. Caso tenha optado por seguir seus ensinamentos, você pode confiar em todas as 108 promessas que trazem paz ao coração atormentado, alegria em meio à tragédia, sucesso ao invés de fracasso e, o mais importante, uma vida glorificada que durará por toda a eternidade.

Isso tudo nos leva à pergunta mais importante com a qual obrigatoriamente iremos deparar: Jesus de Nazaré era mesmo quem declarava ser ou era simplesmente um homem?

Napoleão Bonaparte, imperador da França e um dos maiores gênios da estratégia militar de todos os tempos, concluiu que Jesus não era apenas um homem. Certa vez, conversando com os conselheiros em que mais confiava acerca dos imperadores da história e de seus impérios, o nome de Jesus veio à tona. Para surpresa dos generais, Napoleão proclamou:

Conheço os homens e lhes digo que Jesus Cristo não é um simples homem. Mentes superficiais enxergam uma semelhança entre Cristo, fundadores de impérios e deuses de outras religiões. Tal semelhança não existe… Tudo em Cristo me surpreende. Seu espírito me intimida e seu desejo me deixa perplexo. Não existe termo de comparação possível entre ele e qualquer outra pessoa no mundo. Ele é verdadeiramente um ser único. Suas ideias e seus sentimentos, a verdade que enuncia, sua maneira de convencer não são explicados pela organização humana nem pela natureza das coisas… Quanto mais me aproximo, quanto mais cuidadosamente examino, mais percebo estar tudo fora do meu alcance – tudo permanece grande, de uma grandeza que subjuga… Ninguém pode encontrar, em lugar nenhum, a não ser nele, a imitação ou o exemplo de sua vida. Procuro em vão na história alguém semelhante
a Jesus Cristo… Nem a história, nem a humanidade, nem os tempos ou a natureza me oferecem nada que possa servir de comparação ou de explicação. Em sua vida, tudo é extraordinário.I

Jesus de Nazaré

O que Napoleão sabia, que alguns de nós desconhecemos? Estudioso da história e dos homens, o líder político e militar se dedicara com afinco à vida e às palavras de Cristo. Por isso, acreditava que ninguém na história poderia ser comparado a Jesus de Nazaré. Pense nisto: como poderia um homem de um obscuro vilarejo no Oriente Médio transformar tantos milhões de vidas, bem como o curso da história? Se algum homem tivesse que ser negligenciado pela história, esse homem deveria ter sido Jesus.

Filho de um casal de camponeses, nasceu num vilarejo no meio do nada, num país ocupado por conquistadores estrangeiros. Seu único meio de transporte eram as próprias pernas.

Trabalhou como carpinteiro até completar 30 anos e só então começou a ensinar e a fazer discursos em público. Por três curtos anos proclamou sua mensagem, sobretudo em pequenos povoados. Depois de caluniado e posteriormente submetido a um julgamento fraudulento, foi entregue por Pilatos, que acreditava em sua inocência. Como um criminoso, foi condenado à morte e executado em uma cruz entre dois deles. Apenas sua mãe e alguns de seus seguidores mais próximos estavam presentes à sua execução. Os demais discípulos fugiram, escondendo-se da multidão e dos soldados romanos. Só depois que Jesus ressuscitou dos mortos e apareceu para seus discípulos é que estes deixaram de ser covardes confusos, tornando-se destemidos e confiantes seguidores e pregadores da sua mensagem. Porém, não possuíam recursos para disseminar sua história e seus ensinamentos a um público mais amplo. Não havia rádio, televisão ou imprensa. Na verdade, o papel, tal como o conhecemos hoje, ainda não havia sido inventado. Usava-se o rolo de papiro, que precisava ser meticulosamente escrito à mão. A única maneira de obter uma cópia era ler o original e diligentemente reescrever palavra por palavra.

No século I, na Palestina, era ridículo pensar que a vida de Jesus poderia ter algum impacto significativo para além do reino da Judeia. Toda a história desse pregador itinerante que alardeou sua mensagem por apenas três anos deveria ter se perdido ou reduzido a escombros quando Jerusalém foi destruída pelas legiões romanas menos de 40 anos depois de Jesus ter vindo à Terra. Apesar disso, você pode começar a compreender o milagre de sua vida e de suas palavras. Em vez de se perder para as gerações futuras, a curta vida terrena de Jesus tornou-se o ponto central da história do Ocidente.

Como poderia a vida de um homem ter maior impacto na história da humanidade do que a de qualquer outra pessoa ou acontecimento? Ao ler As mais belas palavras de todos os tempos, você conhecerá o homem que transformou tudo – para sempre. Jesus realizou tudo sozinho, sem dinheiro, exércitos, ciência ou política, apenas por meio do testemunho de sua vida e do poder de suas palavras. Sua jornada e os milagres que realizou atraíram a atenção das multidões, mas foi ele que comoveu corações e transformou vidas. O apóstolo João disse: “Aquele que é a Palavra tornou-se carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade” (João, 1:14).

A tragédia da Era da Informação

Hoje temos acesso a mais informações sobre qualquer assunto do que todas as gerações anteriores. Entretanto, são bem poucos os que conhecem as palavras de Jesus. O conhecimento que têm da história do primeiro século é tão superficial que elas são influenciadas por mitos sem fundamento. Muitos cristãos construíram crenças e valores baseados nas mensagens de professores da Bíblia, escritores e pregadores da televisão e do rádio, e não nas palavras de Cristo. Por mais lindas que possam ser, não podem sequer ser comparadas, em termos de reflexão e poder, às palavras puras e virtuosas de Jesus Cristo. Afinal, apenas ele clamava ser a personificação de toda a verdade quando disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida” (João 14:6), e fez incríveis promessas àqueles que orientassem suas vidas segundo as palavras que ele pregava.

É importante notar que Jesus não fez essas promessas a pessoas que seguiam as mensagens de nenhum outro professor, profeta ou líder. As palavras de Jesus se destacam em termos de verdade, poder e autoridade. Ele prometeu, por exemplo: “Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos. E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” (João 8:31-­32.) E isso foi apenas o começo. A seguir, apresento algumas das muitas promessas feitas por Jesus àqueles que escolheram respeitar suas palavras:

  • Receberão a vida eterna.
  • Seus desejos serão atendidos em resposta às suas preces.
    Deus, o Pai, Jesus, e o Espírito Santo serão suas constantes companhias. Estarão tanto ao seu lado quanto dentro de vocês.
  • Receberão, diretamente de Deus, bênçãos de paz e de alegria, que seriam, de outro modo, inatingíveis.
  • Influenciarão a vida dos outros de uma maneira que não poderia ser obtida apenas pelo esforço humano.
  •  Serão amados por Deus de modo único.
  • Evitarão o julgamento final de Deus.
  • Verão ocorrerem milagres em sua vida que outros não poderão compreender ou explicar.
  • Aprenderão verdades eternas que os libertarão de tudo o que os mantém cativos.

Jesus não era um líder religioso!

Jesus Cristo não veio à Terra para dar início a uma nova religião. Na verdade, ele criticou firmemente os líderes religiosos de sua época. Acusou-os de não conhecerem Deus e de usarem a religião para forçar os outros a uma vida de miséria, frustração e fracasso. Jesus declarou que eram cegos e haviam cegado os “olhos espirituais” de seus seguidores (ver Mateus 15:13-14, 23:13-24).

Ao se descrever, Jesus declarou ter vindo sob a vontade de Deus e que sua missão era revelar quem Ele era e o que desejava. E o mais importante: Jesus declarou que poderia guiar qualquer pessoa a um íntimo relacionamento com o único e verdadeiro Deus e que, agindo assim, os guiaria à vida eterna. Em sua última oração antes da crucificação, Jesus declarou: “Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste” (João 17:3).

Pense em começar a conhecer o Deus criador do universo. Como seria conhecê-Lo e chamá-Lo pelo primeiro nome – ou, melhor ainda, conhecê-Lo tão intimamente que pudesse chamá-Lo de seu melhor amigo, até mesmo de Pai. Imagine como seria se você pudesse constantemente usufruir de Sua presença e de um grau de paz e alegria que nenhuma adversidade pudesse derrotar. É exatamente isso o que acontecerá quando você começar a se concentrar nas palavras de Cristo.

As palavras dele mudaram o curso da história ao transformar milhões de vidas, uma a uma. Foram inicialmente aceitas por aqueles que testemunharam seus milagres: transformou água em vinho, fez os aleijados andarem e restituiu a visão aos cegos e a vida a mortos. Felizmente para nós, prometeu ainda maiores bênçãos àqueles das gerações seguintes que acreditassem nele sem vê-lo em pessoa. Por 2 mil anos, Jesus manteve sua promessa, que concede a você agora. À medida que começar a guardar suas palavras na mente e no coração, você descobrirá um poder transformador como jamais julgou possível.

LEIA MAIS

Steven K. Scott

Sobre o autor

Steven K. Scott

Steven K. Scott, escritor, produtor, diretor e empresário de marketing, é um dos fundadores da American Telecast Corporation, uma organização poderosa e multimilionária. É palestrante na área de realização pessoal e profissional e autor de diversos livros, entre eles Salomão, o homem mais rico que já existiu, Jesus, o homem mais sábio que já existiu e As mais belas palavras de todos os tempos.

VER PERFIL COMPLETO

Outros títulos de Steven K. Scott

Assine a nossa Newsletter

Administração, negócios e economia
Autoajuda
Bem-estar, espiritualidade e mindfulness
Biografias, crônicas e histórias reais
Lançamentos do mês
Mais vendidos
Audiolivros
Selecionar todas
Administração, negócios e economia Lançamentos do mês
Autoajuda Mais vendidos
Bem-estar, espiritualidade e mindfulness Audiolivros
Biografias, crônicas e histórias reais Selecionar todas